Em Festa de Rodeio

Nesse domingo (17/08) eu e o Pedro daqui da N4Nerds fomos convidados para assistir ao show do Chitãozinho & Xororó no rodeio de Cajamar. Não é uma coisa que a gente faça (por sinal a gente nem gosta de rodeio), mas era de graça e apesar de não ser o nosso mundo, a gente gosta de Chitãozinho & Xororó (tem coisas que são clássicas demais pra não se gostar).

Aí eu pensei… uma vez ou outra a gente sempre acaba indo em algum lugar que não é no nosso mundo comum de nerd. Eu me sentia lá como um membro da Federação em uma jornada visitando um outro mundo (desculpa, já que maioria daqui não gosta de Jornada nas Estrelas, mas eu tinha que fazer uma comparação ultra nerd). E como agora eu tinha um blog porque não contar esta experiência?

Chegando lá eu nem acreditei… aquela multidão de gente, aquele barulho, podia parecer muito com um Animefriends, mas era totalmente diferente. Apesar de que tinha um monte de cosplay de cowboy lá.

Era o último dia de rodeio, então teríamos as finais do rodeio em cavalos e em touros. Quando entramos na arena já estava rolando as finais com o cavalo. Aliás a arena era muito legal. Podiam fazer um negócio semelhante na Animefriends, um lugar fixo e estruturado. Ponto para os cowboys!

Eu e o Pedro somos bastante observadores: e a gente viu gente estranha naquele lugar! Não dá nem pra comentar… tudo bem q a gente acha comum e natural uma pessoa se vestir de Ash, Ruffy ou algum personagem de Final Fantasy (não, a gente não acha normal alguém se vestir de Naruto!).

Sentamos para ver o rodeio de touros. É aí que fica bom. Depois de ver as regras que apareciam no telão, foi chamado o locutor do rodeio: “Aí vem, para abrilhantar e narrar o grandioso rodeio de touros, o criativo Gleidson Rodrigues”. Com esse nome? Criatividade vem no dna!! Só uma mãe muito criativa ia colocar um nome desses no filho.

O que mais nos chamou a atenção, além dos nomes dos peões e dos touros, era a trilha musical: de Cher a Zezé di Camargo & Luciano.

O palhaço, que normalmente fica chamando a atenção do animal depois do peão cair, era um senhor de mais de 60 anos numa perna de pau. Depois ele aparece sem a perna de pau e com dois cachorrinhos pequenos, vira-latas, sarnentos, com duas bonequinhas presas nas costas deles fazendo as vezes de peão. Pra não parar aí, olha o nome dele: Thundera. Sem comentários.

O gran-finale foi um show de fogos ao som de Pelados em Santos versão instrumental, com o criativo Gleidson Rodrigues achando aquilo a coisa mais emocionante!

Durante o show da dupla sertaneja, bem na nossa frente, um grupo de vendedores de cerveja resolveu parar de trabalhar. Claramente eles não tinham só vendido cerveja como também beberam bastante. E ali ficaram, distribuindo cerveja, dançando e quase caindo. Se eles ganham por cerveja vendida, eu imagino o quanto eles tiveram que pagar no fim da noite.

Enfim, foi uma noite bizarra, mas muito divertida. Para os nerds que não têm a coragem de dar uma de Indiana Jones e visitar os mitos que a gente só escuta falar, estamos aqui para mostrar.

Assim que tivermos uma nova “aventura”… colocaremos aqui… Ah! E com fotos (dessa vez a gente esqueceu a máquina).

O Criativo Gleidson Rodrigues

O Criativo Gleidson Rodrigues

Anúncios

~ por Ally em 20 de agosto de 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: